Saiba a fórmula certa para o consumo de jogos online

A tecnologia não mede esforços para entregar um serviço de qualidade e diversas opções na questão de jogos online, mas será que o público sabe aproveitar tudo isso de maneira adequada? De crianças a adultos, os jogos entretêm uma massa significativa no país. Porém conforme a preferência do jogo, a “brincadeira” exerce influência sobre os hábitos dos jogadores. Dependendo do que se joga, a mente pode ser estimulada a treinar a criatividade e a forçar o raciocínio, como por exemplo, o jogo The Sims.

Para quem trabalha em ambientes com um ritmo mais intenso, esses jogos podem ser úteis, pois ajudam nas decisões, assim como nos reflexos também. Mas embora os jogos online possam oferecer algumas vantagens como a lógica, em excesso eles podem diminuir o controle emocional e cognitivo. Dependendo de quantas horas dedicadas aos jogos, o gamer poderá apresentar alterações na parte frontal do cérebro, conforme as pesquisas apontadas por professores da Indiana University School of Medicine.

Quando se trata de jogo online, a média de tempo jogado é de quase 6h semanais, que ainda é considerado um período menor do aqueles que preferem os jogos portáteis, porém ainda assim é necessário fazer um equilíbrio e dedicar algumas horas para a prática de exercícios físicos, para que assim seja evitado outros problemas, como a obesidade. Para quem joga bastante possuí propensão a engordar, pois o jogador tanto tempo em frente a tela acaba despertando um maior apetite, sendo assim, está mais propenso a consumir maiores porções de comida do que o necessário. Jogar e comer ao mesmo tempo, assim como é feito, por exemplo, ao assistir um filme, muitas vezes o alimento não é aproveitado da forma que devia ser, e acaba não satisfazendo, consequentemente a vontade de comer continua.

A forma mais saudável de consumir jogos online estão em jogar em momentos que não estiver cansado, pois estes devem ser dedicado ao descanso, assim como também é recomendado não fazer movimentos repetitivos, para evitar desconforto nas mãos, braços, ombros, pescoço ou outras partes do corpo. Sempre é bom avaliar se estará jogando com boa postura corporal, e por um tempo que não impossibilite de praticar outras atividades físicas, assim como uma boa noite de sono.